quinta-feira, 31 de outubro de 2013

ENTENDA UM POUCO SOBRE A CORRUPÇÃO NO PAÍS.

A corrupção corrói a dignidade do cidadão, contamina os indivíduos, deteriora o convívio social, arruína os serviços públicos e compromete a vida das gerações atuais e futuras. O desvio de recursos públicos não só prejudica os serviços urbanos, como leva ao abandono obras indispensáveis às cidades e ao país. Ao mesmo tempo, atrai a ganância e estimula a formação de quadrilhas que podem evoluir para o crime. Um tipo de delito atrai o outro, e quase sempre estão associados. Além disso, investidores sérios afastam-se de cidades e regiões onde vigoram práticas de corrupção e descontrole administrativo.

Os efeitos da corrupção são perceptíveis na carência de verbas para obras públicas e para a manutenção dos serviços da cidade, o que dificulta a circulação de recursos e a geração de empregos e riquezas. Os corruptos drenam os recursos da comunidade, uma vez que tendem a aplicar o grosso do dinheiro desviado longe dos locais dos delitos para se esconderem da fiscalização da Justiça e dos olhos da população.
A corrupção afeta a qualidade da educação e da assistência aos estudantes, pois os desvios subtraem recursos da merenda e do material escolar, desmotivam os professores, prejudicam o desenvolvimento intelectual e cultural das crianças e as condenam a uma vida com menos perspectivas de futuro.
A corrupção também subtrai verbas da saúde, comprometendo diretamente o bem-estar dos cidadãos. Impede as pessoas de ter acesso ao tratamento de doenças que poderiam ser facilmente curadas, encurtando as suas vidas.
O desvio de recursos públicos condena a nação ao subdesenvolvimento econômico crônico.
Em ambiente em que a corrupção predomine dificilmente prospera um projeto para beneficiar os cidadãos, pois suas ações se perdem e se diluem na desesperança. De nada adianta uma sociedade organizada ajudar na canalização de esforços e recursos para projetos sociais, culturais ou de desenvolvimento de uma cidade, se as autoridades municipais, responsáveis por esses projetos, se dedicam ao desvio do dinheiro público.
Apesar de não determinarem necessariamente a presença de corrupção, a presença de alguns fatores deve estimular uma atenção especial. Entre eles estão:

  • histórico comprometedor da autoridade eleita e de seus auxiliares;
  • falta de transparência nos atos administrativos do governante;
  • ausência de controles administrativos e financeiros;
  • subserviência do Legislativo e dos Conselhos municipais;
  • baixo nível de capacitação técnica dos colaboradores e ausência de treinamento de funcionários públicos;
  • alheamento da comunidade quanto ao processo orçamentário,dentre outros.
DO AMIGO EDY!

PREFEITOS PREPARAM O PRÓXIMO GOLPE CONTRA OS AGENTES DE SAÚDE.


Paulo Ziulkoski, presidente da CNM.

O Coordenador Estadual da MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde da Bahia, Ivando Antunes da Silva, denuncia manobras da Confederação Nacional de Municípios (CNM) contra a votação do Piso Salarial Nacional dos Agentes de Saúde.  “Enquanto lutamos para a manifestação, pela a aprovação do Piso Nacional, está marcada também para o dia 12 de novembro a próxima Mobilização Permanente, organizada pela Confederação Nacional de Municípios (CNM). A pauta é formada pelos projetos de interesse municipalista que tramitam no Congresso Nacional. Em especial o aumento de 2% no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), previsto na Proposta de Emenda à Constituição PEC 39/2013,” concluiu Ivando.

O presidente da CNM, Paulo Ziulkoski, pede a presença de prefeitos, vices- prefeitos, secretários e vereadores para dar força à mobilização. A expectativa é que os gestores se reúnam para tentar desmobilizar  Assim como em outras ocasiões, os gestores devem se reunir, logo pela manhã, às 9h30min, no Auditório Petrônio Portela do Senado Federal.

Além da PEC 39/2013, Ziulkoski, provavelmente irá liderar a mobilização, fomentando ações contra o Piso Nacional dos Agentes Comunitários de Saúde e de Combate às Endemias. Não é por coincidência que escolheram o dia 12 de novembro.

A manobra da CNM é mostrar aos congressistas que, apesar de apoiar a aprovação do Piso, as prefeituras não têm condições de arcar com o valor definido por ele, sem a devida fonte de financiamento.

Agora não resta outra possibilidade à categoria de ACS’s e ACE’s, além de confiar no Eterno Criador e ir pras ruas, defender a bandeira do Piso Nacional com dignidade e honra. Chegou a hora de mostrar de onde vem o nosso potencial de mudanças! Porque, Juntos, Somos Mais Fortes! #oPisoÉnosso


Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Blog da MNAS e Jornal dos ACS/ACE: www.agentesdesaude.com.br

DO AMIGO EDY!

O Dia D: 12 de novembro - Paralisação Nacional dos Agentes de Saúde


Manifestações dos Agentes de Saúde será em todo o país..

A MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde, em face dos últimos acontecimentos ocorridos em Brasília, diante das articulações políticas contra o PL 7495/06 (Projeto de Lei do Piso Salarial Nacional dos Agentes de Saúde), convoca todos os Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias para uma paralisação e manifestações em todo o Brasil.

Uma realidade inegável 
Se a categoria de ACS/ACE não despertar a necessidade de fortalecimento da mobilização nacional, poderá se despedir do Piso Salarial Nacional. Esta é uma visão que emana dos últimos acontecimentos sobre o tema, em Brasília.  

Atenção sindicatos, associações e federações!
Este é um momento ímpar às instituições que realmente representam os agentes comunitários e de combate às endemias. É preciso somar forças e fortalecer o movimento de manifestações. Se a categoria não tiver as devidas orientações e apoio dessas instituições, sem dúvida alguma, poderá perder a oportunidade de estabelecer o seu Piso Nacional.  

Orientações e suporte 
No caso de dúvida, necessidade de orientações ou suporte, estabelecer contato com Ednaiptan de Souza, Coordenador Nacional de estratégia Sindical da MNAS, Contatos (pela tarde ou noite): 81 8723-3631(Oi)  81 9454-4490 (Claro),  Via Facebook: www.facebook.com/ednairecife, 

Como será feita
A categoria deverá realizar a paralisação e manifestações e se aglomerar na frente das prefeituras e/ou Câmaras Municipais de cada município, optando para o que for mais favorável. Os agentes dos municípios onde o número e trabalhadores seja muito restrito (pequeno) poderá se articular com os colegas onde se encontra a Sede Regional e Saúde, ou mesmo, fortalecer as manifestações dos colegas das cidades vizinhas.

Descentralização 
Entendemos que as manifestações centralizadas nos municípios e estados realmente exercem pressão sobre os deputados prefeitos, considerando que as suas bases eleitorais não estão em Brasília e, sim, nos estados. 



Somos mais de 323.000 agentes de saúde
Somos mais de 260 mil Agentes Comunitários e 63 mil de endemias. As manifestações nos municípios permitirão que todos participem. Diferentemente de Brasília, que, diante das diversas dificuldades, menos de 1% da categoria tem participado dos eventos.

Veja também:
Recado Aos Deputados Que fingem nos Ajudar...  (Mensagem publicada antes do dia da votação)


Post divulgado no Facebook e Blog do Jornal dos Agentes de Saúde 2 dias antes do golpe dos parlamentares contra a categoria de ACS/ACE.


Assine a Petição do Piso dos Agentes de Saúde em http://bit.ly/PisoACSeACE


Jornal dos Agentes de Saúde (ACS e ACE). No Facebook o nosso record de acesso a postagem única é de 1 milhão e 481 mil.
-----------------------------------

-----------------------------------
Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Blog da MNAS e Jornal dos ACS/ACE: www.agentesdesaude.com.br

PARLAMENTARES ESTÃO PREOCUPADOS COM AS MANIFESTAÇÕES DO DIA 12 DE NOVEMBRO

Deputado federal José Augusto Maia, líder do PROS 

Como era de se esperar, parlamentares e prefeitos já demonstram preocupação com as manifestações dos Agentes de Saúde, prevista para o próximo dia 12 de novembro. Diferentemente do que ocorria antes, quando a CONACS centrava as suas ações em Brasília, situação confortável para os deputados, uma vez que os seus eleitores nem mesmo ficam sabendo do que estava ocorrendo, agora a estrutura eleitoral é abalada de forma profunda. As manifestações programadas para serem executadas nas cidades, fragilizam os deputados e, também, os prefeitos. Estes que foram considerados os principais responsáveis pelo “sabotagem” da votação do Piso Salarial Nacional da categoria.


Veja também:
Recado Aos Deputados Que fingem nos Ajudar...  (Mensagem publicada antes do dia da votação)


A MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde havia informado a CONACS e FENACSE sobre a necessidade de realizar ações descentralizadas do Distrito Federal e sobre as manobras de deputados que sinalizavam apoio à categoria, mas que, na realidade, apenas defendiam interesses de sua bancada. Como ficou provado no último dia 23 deste mês.


 Ana Régia, presidente do SINDACSE

Deputados estão preocupados com as manifestações
No inicio dessa semana, a sindicalista caruaruense Ana Régia, presidente do SINDACSE - Agreste - Sindicato Regional Setentrional do Agreste de Pernambuco, dos Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias em contato com o coordenador geral da MNAS, Samuel Camêlo, lhe passou informações relevantes sobre a repercussão da convocação para as manifestações previstas para o próximo mês. A presidente do SINDACSE relatou que, em conversa ao celular com o deputado federal José Augusto Maia, líder do PROS - Partido Republicano da Ordem Social (o mesmo que criou a Emenda ao Projeto do Piso Nacional dos Agentes de Saúde em  R$ 1.260,00), comentou sobre a reação dos deputados, diante da possibilidade de manifestações nos municípios de todo o país. Segundo o deputado Maia os deputados estão sentido com maior intensidade os efeitos da possibilidade de manifestações nacionais, por parte dos Agentes Comunitários e Agentes de Combate às Endemias do que da própria mídia, em face da não votação.




Foto:  Ednaiptan de Souza durante a fundação do SINDACSE

Apoio e orientações 
Coordenador Nacional de Estratégia Sindical da MNAS, Ednaiptan de Souza, tem oferecido suporte aos sindicatos, associações, federações e todos os colegas interessados em receber instruções sobre as manifestações.Segue dados para contato: (81) 8723-3631(Oi)  (81)  9454-4490 (Claro)  Via Facebook: www.facebook.com/ednairecifeEmail:bednairecife@gmail.com  

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Blog da MNAS e Jornal dos ACS/ACE: www.agentesdesaude.com.br

DO AMIGO EDY!

"A CORRUPÇÃO É RESPONSÁVEL DIRETA PELA MISÉRIA"

"A corrupção é responsável direta pela miséria"


A corrupção mina a eficiência das ações políticas. Medidas como os programas de transparência dos órgãos públicos têm sido adotadas no Brasil, porém não têm feito a população sentir mais confiança no Estado. Segundo ranking elaborado pela ONG Transparency International (Transparência Internacional – TI), que mede a percepção da corrupção no setor público, o Brasil tem ficado nos últimos anos em torno da 70ª posição, em uma lista com 169 países.

O fundador e atual presidente da TI, o alemão Peter Eigen, diz que o Brasil tem se mostrado disposto a combater a corrupção embora ainda precise colaborar mais com organismos internacionais de transparência. Sua esposa, Gesine Schwan, presidente da Humboldt Viadrina School of Governance de Berlim, defende o papel do governo nas mudanças de seculares hábitos culturais antidemocráticos.

Em passagem pelo Brasil, a convite da Fundação João Mangabeira o casal esteve no Recife e visitou o Porto Digital. Em entrevista ao Diario, eles falaram sobre temas como corrupção, gestão pública e democracia.

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Blog da MNAS e Jornal dos ACS/ACE: www.agentesdesaude.com.br
Fonte: Diario de Pernambuco 

DO AMIGO EDY!

segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Agentes de saúde: prefeitos encenam dois papéis



 Prefeitos amigos da onça.

A que ponto chegou o nível de nossos gestores municipais. A revista Veja (coluna de Lauro Jardim) relata que os prefeitos estão custeando viagem e hospedagem dos agentes de saúde a Brasília para pressionarem governo e Congresso pela aprovação do piso salarial salarial nacional e, nos bastidores,  telefonam para os deputados pressionando-os para que engavetem a proposta.

 Ainda tem agente de saúde acreditando que o seu prefeito é bonzinho 

Por outro lado, o governo federal se recusa a arcar sozinho com as despesas, alegando que não tem como acumular mais despesas. Na última votação, que foi do apenas do pedido de urgência para o projeto e, diante de uma manobra dos parlamentares, que ausentaram-se da votação, ocasionando a falta de quórum, provocando o adiamento. Hoje, os municípios recebem cerca de R$ 950 para 260 mil agentes comunitários de saúde e 63 mil agentes de combate a endemias – custo que soma R$ 4,4 bilhões. É notório que esse recurso não investido totalmente no pagamento dos trabalhadores. Com o projeto, o piso dos agentes será elevado a R$ 1.260.


 Chega de tortura contra os Agentes de Saúde!

Contrapondo-se a essa visão de gastos, a MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde (ACS/ACE) defende que não se trata de gastos, mas, de investimento. Não precisamos listar os avanços que tivemos na saúde pública brasileira, como consequência do trabalho desenvolvido pelos agentes de saúde. O brasileiro está vivendo mais, os terríveis índices de mortalidade materno-infantil tiveram recuos expressivos, projetando o Brasil para uma situação de grande conforto, conforme dados divulgados pelo UNICEF. Atenção Primária brasileira tornou-se modelo, não apenas para os países da América Latina e Caribe, ultrapassando as barreiras continentais.
Com o trabalho dos citados profissionais, o país está tendo uma economia de recursos sem precedente, tornando o valor de R$ 1.260, algo simbólico, frente aos resultados citados acima.


Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Blog da MNAS e Jornal dos ACS/ACE: www.agentesdesaude.com.br

DO AMIGO EDY!

Agentes de Saúde param no dia 12 de novembro...


Agentes de Saúde param no dia 12 de novembro...

A Paralisação Nacional dos Agentes de Saúde (ACS/ACE) está Agendada para o Dia 12 de Novembro.

A MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde, em face dos últimos acontecimentos ocorridos em Brasília, diante das articulações políticas contra o PL 7495/06 (Projeto de Lei do Piso Salarial Nacional dos Agentes de Saúde), convoca todos os Agentes Comunitários de Saúde e Agentes de Combate às Endemias para uma paralisação nacional.

Como será feita
A categoria deverá realizar a paralisação e se aglomerar na frentes das prefeituras e/ou Câmaras Municipais de cada municípios. Os agentes dos municípios onde o número seja muito restrito (pequeno) poderá se articular com os colegas onde se encontra a Sede Regional e Saúde.

Descentralização 
Entendemos que as manifestações centralizadas nos municípios e estados realmente exerce pressão sobre os deputados, considerando que as suas bases eleitorais não são em Brasília e, sim, nos estados. 

Somos mais de 323.000 agentes de saúde
Somos mais de 260 mil Agentes Comunitários e 63 mil de endemias. As manifestações nos municípios permitirão que todos participem. Diferentemente de Brasília, que, diante das diversas dificuldades, menos de 1% da categoria tem participado dos eventos.

Assine a Petição do Piso dos Agentes de Saúde em http://bit.ly/PisoACSeACE

Curta e Compartilhe!

Jornal dos Agentes de Saúde (ACS e ACE). No Facebook o nosso record de acesso a postagem única é de 1 milhão e 481 mil.
-----------------------------------
Blog - Twitter - Canal no YouTube - Facebook - Grupo no Yahoo!
-----------------------------------
Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Blog da MNAS e Jornal dos ACS/ACE: www.agentesdesaude.com.br

DO AMIGO EDY!

Agentes de Saúde de todo o Brasil irão pressionar prefeitos e deputados em suas bases.



No último dia 23/10, prefeito dos mais diversos recantos do Brasil ligaram para os deputados federais, instruindo-os para votar contra o projeto do Piso Nacional dos Agentes de Saúde. No próximo dia 12//11, tanto os prefeitos quanto os deputados se depararão com manifestações em suas bases eleitorais. A estratégia descentraliza as manifestações de Brasília e, simultaneamente, faz todo o país ferver em manifestações. 

Chegou a vez dos prefeitos!
Prefeitos de Todo o Brasil Pressionaram os Deputados...

Além dos prefeitos passarem o dia inteiro ligando para os deputados, pressionando-os a votar contra o Piso Nacional dos Agentes de Saúde, o presidente da CNM (Confederação Nacional dos Municípios), Paulo Ziulkoski, saiu com mais uma. Ele divulgou no site da instituição:

"...adverte que a aprovação deste projeto, juntamente com outros pisos salariais, como o dos professores, poderá “causar a falência dos Municípios”."

O que causa a falência dos municípios são os milhões que muitos prefeitos desviam, sem nenhum ressentimento.

Agora chegou a hora dos mais de 323.000 agentes pressionar os prefeitos, nos "currais eleitorais" dos deputados.

Agora é a Nossa Vez! Chegou a Hora de Pressionarmos os Prefeitos
E os Deputados, em Suas Bases Eleitorais...

Assine a Petição do Piso dos Agentes de Saúde em http://bit.ly/PisoACSeACE

Curta e Compartilhe!

Jornal dos Agentes de Saúde (ACS e ACE). No Facebook o nosso record de acesso a postagem única é de 1 milhão e 481 mil.
-----------------------------------
Blog - Twitter - Canal no YouTube - Facebook - Grupo no Yahoo!
----------------------------------- 
Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Blog da MNAS e Jornal dos ACS/ACE: www.agentesdesaude.com.br

DO AMIGO EDY!

PROS-PE: Emenda ao Projeto do Piso Nacional dos Agentes de Saúde é de R$ 1.260,00



 Deputado Augusto, líder do PROS/PE apresenta Emenda que eleva o Piso dos 
Agentes de Saúde Para  R$ 1.260,00

O deputado José Augusto Maia (PROS-PE) defendeu no último dia 25/10 a aprovação pela Câmara Federal, no próximo dia 12, do projeto que fixa um Piso Nacional Salarial para os Agentes de Saúde.

A votação do projeto estava prevista para a última quarta-feira (23), mas foi adiada devido a uma série de manobras de alguns partidos, conforme a MNAS - Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde havia avisado que ocorreria.


Votação do Piso Nacional

Prefeitos de várias partes do Brasil, durante todo o dia, pressionaram os deputados para rejeitarem o projeto sob o argumento de que a proposta oneraria os cofres públicos. Um argumento vazio e sem sustentação.

Em entrevista ao jornalista Inaldo Sampaio, o deputado José Augusto disse o seguinte:

“Após várias discussões, o nosso partido (PROS) apresentou uma proposta de emenda ao projeto, dividindo as responsabilidades. O governo federal arcaria com os custos dos salários (o piso de R$ 1.260,00), o governo estadual com os encargos e as prefeituras, apenas, com manutenção dos serviços e os meios de locomoção dos agentes.”

O parlamentar defende que os governos, federal, estaduais e municipais, têm que se entender para atender ao pleito dos agentes, “que não podem ficar prejudicados,” concluiu. 

Divulgação: Mobilização Nacional dos Agentes de Saúde - MNAS
Uma mega rede voltada aos Agentes de Saúde (ACS e ACE)  
MNAS no MSN: MNAgentesdeSaude.groups.live.com  
Canal no YouTube: www.youtube.com/mobilizacaodosacs  
No Facebook: www.facebook.com/groups/agentesdesaude   
No Grupo Yahoo!: br.groups.yahoo.com/group/agentedesaude   
Ferramenta no Inforum: Fórum no Inforum   
Blog da MNAS e Jornal dos ACS/ACE: www.agentesdesaude.com.br

DO AMIGO EDY!